FESTAS JUNINAS – ORIGEM – COMO COMEMORAR?

FESTAS JUNINAS – ORIGEM – COMO COMEMORAR?

05/07/2021

Desde o século XVII, as festas juninas são realizadas pelos brasileiros.

A festa junina (propriamente dita) é uma festividade popular que ocorre durante todo o mês de junho. Essa comemoração é comum entre todas as regiões do Brasil, especialmente no Nordeste e, foi originada no Brasil dada a influência dos portugueses.

No começo, a festa junina possuía uma atribuição estritamente religiosa e homenageava santos como São João e Santo Antônio.

Origem das Festas Juninas

As festas juninas ocorrem em junho, logo, neste mês é importante considerar que acontece o solstício de verão e. com isso, essas comemorações eram efetivadas com o intuito de se afastas maus espíritos e quaisquer pragas que pudessem vir a atingir a colheita.

As festas juninas, na Europa, eram relacionadas a festividades pagãs, sendo realizadas por diferentes povos pagãos que, aos poucos, foram se tornando cristãos a partir do momento em que houve a consolidação do Cristianismo no continente europeu.

Nestas práticas culturais, como as festas juninas, sucedeu-se a conversão tanto dos povos pagãos, quanto das festas a partir da “apropriação” a parir de elementos cristãos que foram incrementados nas festividades.

Desse modo, voltando ao contexto brasileiro da festividade, vale ressaltar que quando a festa junina foi introduzida no país esta era conhecida como “Festa Joanina” uma vez que esta fazia referência ao santo aclamado de São João. No entanto com o passar dos anos, o nome da festa junina foi alterado por conta do mês em que ocorre, ou seja, junho.

Além disso, as festas juninas possuíam forte cunho religiosos até então, mas esta conotação se perdeu em parte quando a festividade começou, no Brasil, a ter maior popularidade, associando-se a símbolos típicos das zunas rurais.

Durante as festas juninas brasileiras são produzidas danças típicas, como exemplo, as quadrilhas. Também há a produção de inúmeras comidas à base de milho e amendoim, como: canjica, pé de moleque, curau, pipoca, pé-de-moleque, paçoca… além de bebidas, como o famoso: quentão, pensado especialmente para esquentar os convidados nos dias de frio. Outra característica que chama atenção, de modo geral á maneira com que as pessoas se vestem de caipira de modo caricato.

Após conhecer um pouco mais da história da festa junina, está na hora de comemorar e, para isso, nós do Buffet Mediterrâneo vamos te apresentar algumas propostas de como se comemorar esta data de modo a desfrutar da alegria, união e fraternidade para compor este momento.

Continue com a gente e se encante com as possibilidades que vamos apresentar neste post.

  • Festas Juninas Católicas

As festas juninas que apresentam maior cunho religioso, como dito anteriormente, está relacionado a três santos; Santo Antônio de Pádua, São João Batista e São Pedro. Logo, todos os elementos das crenças e superstições inclusos no clima das festas juninas católicas remetem à devoção a desses santos.

Dessa maneira, as formas de se comemorar religiosamente são inúmeras, mas a festividade junina, por exemplo, neste caso, conta com uma fogueira de São João uma vez que remete à mãe de João Batista, que, para avisar Maria (mãe de Jesus) do nascimento de João, teria confeccionado uma enorme fogueira.

  • Festas Juninas Rurais

O fato de as festas juninas brasileiras expressarem manifestações das culturais populares rurais refletem em ritos (como, por exemplo. apadrinhamento ou batismo), em danças (como as quadrilhas) e, também, nas comidas típicas.

As comidas típicas, por sua vez, relacionam-se com o tempo de colheita e com um dos principais elementos cultivados no interior do Brasil, ou seja, o milho. Há também, nestas comemorações, derivados do leite, babata e mandioca.

  • Festas Juninas – Arraias

A palavra arraia significa, originalmente, lugar no Nordeste, o qual é utilizado para festejos e serve de palco para apresentações culturais. Este tipo de festejo consiste no modo mais tradicional das festas juninas, posto que, inclui todas as idades, comidas típicas e, o mais importante… barraquinhas.

Barraquinhas de comidas (salgadas e doces), brincadeiras (como: boca do palhaço, pescaria, entre outros), assim como, festividades tradicionais (como: dançar quadrilhas, fogueiras). Estes três modelos de festas citados acima, configuram alguns modos de comemoração das tradicionais festas juninas, mas é claro, que há outros jeitos de se comemorar, basta entrar em contato com a nossa equipe do Buffet Mediterrâneo, nos contra suas ideias e deixar acontecer. Fique de olho em nosso blog, sempre haverá novidades e exemplos de comemorações exclusivos para vocês (nossos convidados).

Os comentários estão desativados.

× Whats App